Skip to content

Zabaratukitu – testar como o Google indexa e posiciona as imagens

Neste artigo pretendo perceber como é que o Google indexa e posiciona as imagens nos resultados de busca. Com as novas mudanças feitas pelo Google na forma de apresentar os resultados das pesquisas nas imagens, com este post vou tentar perceber e posicionar imagens no seu motor de busca.

Escolhi uma palavra-chave ao acaso e que não existia nos resultados, a escolhida foi: zabaratukitu. Esta palavra não existe, nem nos resultados web nem sequer nos resultados das imagens, portanto vou tentar perceber qual o comportamento com as imagens com este nome zabaratukitu.Claro que não há concorrência para esta palavra, mas o objectivo é mesmo esse.

pesquisas zabaratukituPara já não vou fazer qualquer tipo de ação de Link Building apenas vou tentar optimizar este artigo colocando algumas palavras-chave ao do post até porque já agora, quero perceber se o artigo posiciona-se nos resultados do Google pela pesquisa de zabaratukitu.

Ou seja, vou analisar o comportamento do Google e do seu algoritmo e das novas atualizações do Pinguim, Panda, etc… Vou colocar 2 imagens com o nome cada uma zabaratukitu e ao longo das próximas semanas e vou analizando. Depois, claro que sim que vou partilhar as minhas análises sobre este tema aqui no blog.

Imagens zabaratukitu

A lenda de zabaratukitu
A lenda de zabaratukitu
O mundo de zabaratukitu
O mundo de zabaratukitu

Miguel Brandão on FacebookMiguel Brandão on FlickrMiguel Brandão on InstagramMiguel Brandão on LinkedinMiguel Brandão on TwitterMiguel Brandão on Youtube
Miguel Brandão
Miguel Brandão
Sou Miguel Brandão tenho formação académica em Marketing, Publicidade e R.P. frequentei durante 2 anos a licenciatura em Sistemas de Informação e Multimédia. Fui também estudante durante 1 semestre lectivo na Universidade de Salamanca (Espanha). Desde 2004 que trabalho Online para clientes e projetos próprios. Atualmente sou CEO da SEOlabs.pt com serviços de SEO. Sou responsável de diversos sites e blogs de diversos nichos em Portugal, Espanha, Brasil, Colômbia e Peru.