Home / Manual de SEO / Estou a perder visitas! O que se passa?

Estou a perder visitas! O que se passa?


Atualmente todos querem estar na primeira página dos resultados orgânicos do Google e então toda a gente queixa-se que o Google é um animal 🙂 ou talvez um Zoológico! Eu próprio “passo-me” com o Google, mas temos todos de perceber que SEO não é uma ciência exata e no final quem manda e decido é o Google.

O principal medo de quem trabalha em SEO é a penalização e assim perder muitas visitas e conversões. Mas ninguém está livre, é um risco que corremos e para ajudar ainda mais existem também as flutuações nos resultados do Google o que por vezes também pode não ajudar e devemos estar sempre atentos e tentar perceber se de fato é uma flutuação nos resultados ou se é mesmo penalização.

Normalmente as flutuações acontecem devido a vários fatores, são eles:

  • Alguns dos backlinks que apontam para o nosso site foram desvalorizados ou não estão mais activos (o link foi removido).
  • Testes efetuados pelo próprio Google.
  • Ajustes no algoritmo.
  • Etc…

Pois é, aqui começa de imediato o “medo” de sermos apanhados pelo Google mas no entanto para estas situações, devemos manter a calma e ir analisando o comportamento ao longo dos dias.

Cuidado com as estratégias de link buiding, porque de um momento para o outro, todos os links que lá deixámos podem perder todo o valor para o Google e assim podemos fazer parte destas oscilações/flutuações e até quedas no ranking.

A concorrência passou para a frente

Uma empresa da concorrência passou-lhe à frente e “roubou” o seu ranking. Geralmente isto só vai afetar algumas poucas posições.

Poderá ter uma uma queda de 1, 2 ou 3 posicões. Mas isto é um forte sinal que não se tem dedicado muito ao SEO do seu site, então muitas empresas da concorrência podem comecar a subir nos rankings apenas porque eles estão a trabalhar arduamente no SEO e você não. Não basta apenas conseguir bons posicionamentos no Google é preciso manter e ir continuando o trabalho feito até então. Caso contrário, mais tarde ou mais cedo vai cair no ranking.

Muitas empresas pagam a agências e profissionais de SEO para manterem/aumentarem os seus rankings, por isso se pára de investir nesta área, muito dificilmente irá manter o seu ranking por muito tempo… a não ser que tenha backlinks de muito boa qualidade.

Neste caso, a sua posicão poderá aguentar-se durante mais tempo mas não está segura para sempre! Não se deixe convencer de que mesmo com estes links de alta qualidade poderá ficar quieto, pois até estes podem ser batidos… pelos links de alta qualidade da sua concorrência.

É por isso que eu faço questão de lembrar que o SEO começa sempre por ter um site com conteúdo de qualidade. Os backlinks aparecem a seguir, mas sem um site de qualidade não há nada a fazer.

Outro fator que pode influênciar negativamento é quando uma determinada página do seu site que até estava bem posicionada, deixou de estar online por um motivo qualquer no seu servidor. É necessário estar atento a estas situações porque também podem acontecer. Os sites “cheios” de redirects em que internamente utilizam para tudo e mais alguma coisa, pode também correr muito mal.

Para entender melhor todas estas situações, no dia 22 de Janeiro expliquei tudo isto num webinar organizado pela SEMrush. Podem ver o vídeo em baixo de todo o webinar e os slides.

 

Gravação em vídeo do Webinar

Slides do webinar

Conclusão final

Para terminar gostaria de dizer que se recentemente perdeu ranking é provavelmente o resultado de um dos fatores acima descritos. Sugiro que melhore a qualidade do seu site como um todo e crie de muita qualidade, e continue a criar novo conteúdo regularmente, escrevendo sobre assuntos únicos (relacionados com o seu negócio) e que outros não exploraram devidamente.

O Google trabalha cada vez mais em melhorar o seu motor de busca e torná-lo ainda mais relevante do que já é agora. O conteúdo é uma das suas maiores prioridades. Conteúdo que seja único, relevante e informativo. Isto é um enorme factor de atraccão de links, utilizadores/visitas, partilhas, etc. Pense nos seus visitantes e dê-lhes aquilo que eles procuram.



Partilhe este artigo com os seus amigos.

[Total: 0    Average: 0/5]

Sobre Miguel Brandão

Sou Miguel Brandão tenho formação académica em Marketing, Publicidade e R.P. frequentei durante 2 anos a licenciatura em Sistemas de Informação e Multimédia. Fui estudante durante 1 semestre lectivo na Universidade de Salamanca (Espanha). Trabalho com a Internet desde 2004 em WebDesign, SEO, SEM, WebMarketing, Email Marketing, Link Building, Landing Pages e posicionamento de websites.

Check Also

SEO onpage

SEO on-page: como criar uma página perfeita(2016)

Para quem escreve conteúdos, deverá ter sempre em conta uma boa optimização. Porque os textos ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ao navegar neste site, está a concordar com o uso de cookies. mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close