Skip to content

Como a inteligência artificial influencia o marketing e as vendas?

A inteligência artificial é um dos avanços tecnológicos que mais evoluiu nas últimas décadas.
Graças a ela, os computadores agora são muito mais habilidosos em armazenamento, processamento e gestão de enormes conteúdos de informação, bem como a capacidade de aprender em tempo real.

As empresas visionárias estão usando diversas ferramentas tecnológicas para tirar o máximo proveito de suas estratégias de marketing e vendas, pois lhes permite aproveitar a capacidade da Inteligência artificial para analisar e simplificar dados e assim obter informação valiosa sobre os usuários.

A Inteligência Artificial tem servido para promover e incrementar as vendas nos últimos anos.
Este poderoso instrumento influencia de muitas maneiras o aumento das vendas e contribui para melhorar as estratégias do marketing, seja através da análise de dados ou a criação de conteúdo.
De acordo com um estudo realizado pela NDS Cognitive estas são as formas em que a Inteligência artificial exerce impacto no marketing e nas vendas.

Ajuda a prever os resultados

É indiscutível que o marketing é um instrumento super importante para aumentar as vendas, mas devem ser feitos grandes esforços para lidar com dados empresariais.
A Inteligência Artificial agiliza de forma eficaz o processamento de toda a informação, permitindo que tudo seja mais rápido e simples. Além disso, os processos de comunicação, atenção e captação de clientes potenciais se fazem de uma maneira mais eficiente.

Com os programas de inteligência artificial poderá ter mais tempo para se divertir e fazer Apostas League of Legends, porque se automatizam todos os processos relacionados com o marketing abrangendo uma maior quantidade de tarefas, em menor tempo.
Para exemplificar isso Angie, o assistente virtual da CenturyLink foi programado para analisar potenciais clientes, enviar-lhes um e-mail e determinar quem eram clientes ativos e quais não eram. O assistente virtual conseguiu enviar 30.000 e-mails mensais.

Ao concluir a análise o assistente virtual tinha a capacidade de detectar 40 clientes potenciais semanais, além disso podia entender 99% das respostas que lhe enviavam e o 1% os transferia a um promotor humano.
Como podem ver, a CenturyLink aumentou os seus ganhos com as campanhas que geraram $20 por dólar investido. O retorno do investimento aumentou para 1.900%, ou seja, o processo de análise de dados produziu rentabilidade à empresa.

Agiliza a criação de conteúdo

A Inteligência Artificial facilita a criação de conteúdos, de modo que os seus benefícios empresariais no mundo do marketing estão quase ao mesmo nível dos redatores ou escritores humanos.
A Forbes planeia utilizar a inteligência artificial para elaborar projetos e simplificar o trabalho dos seus jornalistas. O jornal New York Times e a agência Reuters recorrem à inteligência artificial para criar relatórios financeiros em tempo real e elaborar resumos esportivos.

A empresa Toyota utilizou a automação da IBM Watson para lançar campanhas publicitárias inovadoras para a rav4. Recentemente, alguns membros da Universidade de Nova York utilizaram uma rede neural chamada Launcher check Memory, chamada também “Benjamin”,
que se encarregou de redigir o roteiro para a curta-metragem americana “Sunspring”.

Outra das façanhas da Inteligência artificial quanto à criação de conteúdo literário foi a redação e colocação à venda do livro “A luz solar se perdeu na janela de vidro”, um compêndio de poemas criado por Microsoft Little Ice.

Monitorização dos clientes

Os programas com inteligência artificial são determinantes no marketing e nas vendas empresariais, pois servem para automatizar a informação, sectorizá-la, dar seguimento e oferecer suporte aos clientes. Para estas tarefas era necessário que as equipes de marketing desenvolvessem um trabalho árduo, e muitas vezes não se cobriam todas as tarefas.

A empresa Epson recebe atualmente 50000 potenciais clientes por ano. Para atender esta cifra de clientes seria necessária uma equipe de trabalho bastante grande, já que para que um cliente potencial se converta em cliente se requerem entre 6 e 8 entrevistas.

Com a implementação de programas de Inteligência Artificial se pode conseguir dar seguimento a todos os clientes potenciais. A Epson decidiu instalar o seu assistente de vendas IA, o que resultou num aumento considerável no número de respostas e num aumento de 75% em potenciais utilizadores qualificados.

Miguel Brandão on FacebookMiguel Brandão on FlickrMiguel Brandão on InstagramMiguel Brandão on LinkedinMiguel Brandão on TwitterMiguel Brandão on Youtube
Miguel Brandão
Miguel Brandão
Sou Miguel Brandão tenho formação académica em Marketing, Publicidade e R.P. frequentei durante 2 anos a licenciatura em Sistemas de Informação e Multimédia. Fui também estudante durante 1 semestre lectivo na Universidade de Salamanca (Espanha). Desde 2004 que trabalho Online para clientes e projetos próprios. Atualmente sou CEO da SEOlabs.pt com serviços de SEO. Sou responsável de diversos sites e blogs de diversos nichos em Portugal, Espanha, Brasil, Colômbia e Peru.