Home / Web Marketing / Banco de imagens para blogs

Banco de imagens para blogs

Para quem escreve artigos regularmente é aconselhável complementar com imagens ligadas ao tema que se está a escrever. Para isso é necessário escolher um banco de imagens onde podemos recorrer para conseguir imagens com impacto para os artigos. Há muitos websites de bancos de imagens mas nem todos oferecem as imagens que procuramos. Os bancos de imagens free são muito limitados, depois temos alguns e bons bancos de imagens onde podemos encontrar as fotografias que realmente procuramos e que nos surpreende completando perfeitamente os artigos e a preços muito simpáticos. Grande parte das vezes andamos à procura de imagens free e acabamos por colocar imagens nos artigos que nem sempre são aquelas que queremos.

Vantagens da utilização de bancos de imagens

Neste caso em concreto as vantagens da utilização de bancos de imagens para uso pessoal para a web são várias, tais como:

  • Acesso a milhares de imagens profissionais.
  • Imagens adequadas para o nosso nicho de actuação.
  • Pagamento de apenas 1 mês e acesso a milhares de imagens.
  • Destacar-se da concorrência com imagens de alto impacto e que não estão acessíveis a todos.
  • Várias categorias e conceitos de imagens.
  • Etc.

Estou a referir-me à Fotolia que na minha opinião tem um banco de imagens muito vasto e que a partir de agora será parceira do blog Mais WebMarketing. Mas para além disso sou fã deste banco de imagens porque a escolha é variadíssima! Simplesmente fantástica! Para quem quiser pode aderir ao programa de afiliados da Fotolia.


Fotolia: O banco de imagens líder Europeu

História da Empresa

Fotolia foi criada em 2004 por Thibaud Elzière, um jovem empreendedor e Oleg Tscheltzoff, cofundador da empresa francesa Amen e investidor em empresas digitais.

Percebendo que os preços proibitivos praticados pelas agências de fotografia constituíam por um lado, uma grande deficiência no comércio de fotografia de ilustração (“stock images”) e por outro lado, um encorajamento ao roubo e pirataria de imagens na Internet, estes dois empreendedores imaginaram o conceito do mercado online onde os compradores poderiam adquirir imagens livres de royalties a preços acessíveis e onde colaboradores poderiam gerar remunerações advindas do volume de vendas, tendo, no entanto, os seus direitos intelectuais protegidos.

E assim, nasceu a empresa Fotolia, hoje dedicada à venda de conteúdos de ilustração livres de royalties (fotografias, ilustrações vetoriais, e vídeos em HD) onde fotógrafos e criativos, mas também agências de fotografia reconhecidas mundialmente, disponibilizam as suas obras para venda.

Uma rápida ascensão

Graças à adesão de inúmeros colaboradores, a empresa soube rapidamente expandir a sua oferta de conteúdos de qualidade e os seus serviços de banco de imagens foram oficialmente lançados no dia 9 de novembro de 2005 com aproximadamente 120.000 imagens disponibilizadas (atualmente mais de 19 milhões).

Com mais de três milhões de utilizadores espalhados pelo mundo, Fotolia dirige-se a qualquer tipo de empresa, desde as pequenas às médias e grandes empresas e também aos órgãos governamentais, associações, agências de comunicação, imprensa e editores. Por outro lado, também oferece aos seus 165.000 colaboradores (fotógrafos, criativos e cineastas profissionais e semi profissionais), um espaço dedicado à comercialização das suas obras, pagando-lhes comissões por cada obra vendida, protegendo os seus direitos. Em 2012, Fotolia pagou mais de 30 milhões de euros em comissões aos colaboradores que alimentam a sua galeria.

A Fotolia nos dias de hoje…

Sediada em Nova Iorque, a empresa Fotolia está atualmente presente em 20 países disponibilizando um website e o atendimento em 12 idiomas.

Com mais de 19 milhões de imagens digitais e vídeos à sua escolha, a empresa Fotolia disponibiliza um dos maiores bancos de imagens de alta qualidade do mundo. Mais de 3,5 milhões de membros escolhem a Fotolia para comprar imagens, vetores e vídeos em HD livres de royalties e a preços acessíveis.

Com o lançamento da “Infinite Collection”, a empresa Fotolia tornou-se a primeira empresa de microstock no mundo a oferecer tanto imagens profissionais quanto imagens da comunidade digital num único site.

A sua liderança no sector de imagens digitais é reconhecida pelas suas parcerias com empresas conceituadas, tais como:

  •  Microsoft, Adobe, Wix, Ftopia, Wedia, Corel
  •  Mydesign.com, Gemsol, Stickmyhome.com
  •  Strato, Go daddy, Arsys, Arruba, Netissime, Ikoola, Templatemonster
  •  Associated Press
  • Etc…

Conclusão

Recomendo a utilização de banco de imagens principalmente para se destacar da concorrência, sempre será melhor usar imagens que todos os outros também normalmente utilizam. Com isto não quero dizer que nos bancos de imagens tem exclusividade total de cada imagem. Claro que não, mas de certeza que nem todos compram fotografias em websites bancos de imagens.

Sobre Miguel Brandão

Sou Miguel Brandão tenho formação académica em Marketing, Publicidade e R.P. frequentei durante 2 anos a licenciatura em Sistemas de Informação e Multimédia. Fui estudante durante 1 semestre lectivo na Universidade de Salamanca (Espanha). Trabalho com a Internet desde 2004 em WebDesign, SEO, SEM, WebMarketing, Email Marketing, Link Building, Landing Pages e posicionamento de websites.

Check Also

spam-no-analytics

Como evitar visitas indesejadas no Google Analytics

Para qualquer negócio online, nos dias de hoje, é fundamental saber o que se passa ...

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *