Skip to content

Análise ao motor de busca Bing



No mês passado de Outubro fiz uma experiência que consistiu em indexar as páginas do meu blog no Bing e tentar perceber se vale a pena apostar neste motor de busca da Microsoft. Portanto, precisamente no dia 14 de outubro abri conta no “Ferramentas de Webmaster” e enviei o sitemap.xml para o Bing. É muito idêntico ao Google webmasters tools, por isso recomendo a leitura destes artigos:

Como referi em cima, no dia 14 abri conta e enviei o ficheiro sitemap.xml do blog Mais WebMarketing para o Bing, depois disso testei no próprio motor de busca do Bing quantas páginas estavam indexadas nessa data. Os resultados obtidos foram 32 páginas indexadas!

Á data de hoje fui analisar os resultados das páginas indexadas do blog Mais WebMarketing no Bing, digitei: site:www.maiswebmarketing.com e os resultados foram uma surpresa! 1020 páginas indexadas no Bing!

Para além disto ainda analisei as visitas vindas do Bing desde o dia 14 de Outubro até ao dia 1 de Dezembro e o resultado depende e muito do posicionamento das páginas nos resultados de busca, mas isso é outra questão o que inporta aqui foram as páginas indexadas e quantas mais páginas tivermos indexadas nos motores de busca mais probabilidades temos de aparecer mais vezes nos resultados do Bing assim como no Google. Reparem na imagem em baixo que durante o período referido em cima o blog Mais WebMarketing teve 31 visitas vindas do Google, o tempo médio no site é muito bom e a taxa de rejeição também está muito boa.

Análise do motor de busca Bing em Portugal e no Brasil

Eu sei que para muitos webmasters ainda não utilizam o Bing nem pensam utilizar, este motor de busca da Microsoft não é muito utilizado na Europa e mesmo no Brasil também não é muito famoso. Como referi no artigo anterior onde explico as parcerias que a Microsoft está a fazer neste momento como a integração do seu motor de busca no Facebook e os respectivos resultados de busca no Bing também estão influenciados pelos “gostos” do Facebook.

Mas voltando à questão no inicio vou apresentar aqui 2 gráficos onde podem-se ver quais os motores de busca mais utilizados em Portugal e no Brasil. Estes dados foram fornecidos pelo site StatCounter.com que é um dos maiores da Internet que trabalha com as estatísticas dos visitantes a websites.

Quais os Motores de Busca mais utilizados no Brasil

Reparem a gigantesca diferença do Google para os outros motores de busca! Neste caso dos motores de busca Brasileiros como é evidente o Google é  rei e é onde devemos apostar fortemente com estratégias de SEO, com o Google Adwords e até mesmo utilizar as ferramentas grátis que o Google disponibiliza.

Mas será que devemos ignorar o motor de busca da Microsoft – Bing? Na minha opinião acho que não, devemos apostar também para não ficarmos dependentes do Google. Quem sabe se o Bing começa a aumentar em termos de utilizadores nos próximos anos com a parceria feita com o Facebook? Pois é… Temos de pensar nisso e não custa nada apostarmos também no Bing!

Vamos agora ver o gráfico correspondente à utilização dos motores de busca em Portugal, que desde já não difere muito do Brasil.

Motores de Busca mais utilizados em Portugal

 

Conclusão:

Vale a pena apostar no Bing? Vale! Imaginem que por algum motivo o vosso blog/site é penalizado no Google? Qual a alternativa? Se estiverem também a apostar no Bing pelo menos não vão ter ZERO visitas. É verdade que neste momento o Bing não tem nenhum expressão nos motores de busca, mas com as parecerias do Yahoo e agora no Facebook nos próximos tempos o Bing pode tornar-se um caso sério e até aproximar-se do Google! Na minha opinião e experiência acho que devem indexar os vossos Blogs/sites por toda a Internet em tudo o que poderem, porque quantas mais páginas tivermos na Internet mais probabilidades há de sermos encontrados! Ou seja, Linkbuilding!

E voçês apostam no Bing? Estão a ter resultados?

Miguel Brandão on FacebookMiguel Brandão on FlickrMiguel Brandão on InstagramMiguel Brandão on LinkedinMiguel Brandão on TwitterMiguel Brandão on Youtube
Miguel Brandão
Miguel Brandão
Sou Miguel Brandão tenho formação académica em Marketing, Publicidade e R.P. frequentei durante 2 anos a licenciatura em Sistemas de Informação e Multimédia. Fui também estudante durante 1 semestre lectivo na Universidade de Salamanca (Espanha). Desde 2004 que trabalho Online para clientes e projetos próprios. Atualmente sou CEO da SEOlabs.pt com serviços de SEO. Sou responsável de diversos sites e blogs de diversos nichos em Portugal, Espanha, Brasil, Colômbia e Peru.